Ter o poder se puder

Um erro de ortografia que se vai vendo em diversos registos escritos é a distinção entre poder e puder.

O problema é de fácil solução:

Poder é um substantivo ou um verbo (no infinitivo) e pronuncia-se com o e fechado, como na palavra ver;

Puder é uma forma do verbo poder (na 1ª e na 3ª pessoa do singular do futuro do conjuntivo) e pronuncia-se com o e aberto, como na palavra céu.

Vejamos alguns exemplos:

O poder político é exercido temporariamente.

Há diretores que não sabem exercer o poder.

Viriato detinha o poder de líder incontestado.

Se eu puder vou amanhã à tua horta.

Quando você puder, logo me empresta aquele livro.

Ela disse-me que ainda hoje vai ter consigo, se puder.

Percebido? No recorte de jornal que ilustra este artigo, deveríamos ler: “Os pneus ficaram sem poder ser reparados.”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: