A lanterna vermelha do 2º ciclo do ensino básico

Foto João Xavier - Escola da  Culatra

A Escola EBM da Ilha da Culatra, sobrevivente da razia que foi empreendida contra o ensino básico mediatizado (dado como extinto!) é, supostamente, a escola algarvia com os piores alunos do 6º ano.
A ideia é-nos transmitida pelo ranking das escolas portuguesas no ano 2014/2015.
Eis as 10 escolas pior classificadas nos exames do 6º ano do ensino básico:
50ª – Escola da Guia;
51ª – Escola António Agostinho (Almancil);
52ª – Escola de Ferreiras;
53ª – Escola João Cónim (Estômbar);
54ª – Escola D. Dinis (Quarteira);
55ª – Escola Tecnopolis de Lagos;
56ª – Escola Livre do Algarve – Waldorf (Vila do Bispo);
57ª – Escola Nuno Mergulhão (Portimão);
58ª – Escola D. João II (Alvor);
59ª – Escola EBM da Ilha do Culatra.


%d bloggers like this: