A vitória de Trump

cartaz-de-trump

Donald Trump ganhou as eleições presidenciais norteamericanas.
Na Europa que está de gatas, persiste uma onda absurda de complexos de superioridade. Troçaram do nome do novo presidente e falaram em trampa, mas afinal a trampa foi derrotada. Foi derrotada a oligarquia política com cheiro a bolor, foi derrotada a classe profissional parasita, foi derrotada a demagogia sexista, foi derrotada a esquerdite de quem se julga dono da democracia…
É verdade que o sistema eleitoral daquele país é deveras complicado, mas não serve de desculpa para os fracassos.
Quando quiserem uma mulher na presidência, não escolham uma petulante, hipócrita, incompetente, aldrabona, débil e tachenta.
Costumam dizer os marinheiros que quando o barco mete água as ratazanas são as primeiras a fugir. Porque seria que a Hilária desapareceu pela porta dos fundos na noite eleitoral e nem quis assumir logo publicamente a derrota?
Os ideais democráticos de muito boa gente do nosso burgo são tão puros, que chegámos a ouvir num debate televisivo um exemplar dizer que iriam «votar pela primeira vez muitas pessoas que nunca votaram… e isso pode ser um problema»!!!
Continuem a empobrecer a classe média. Continuem a aplaudir a globalização que nos enche de produtos chineses. Continuem a promover a mão de obra barata. Continuem a assobiar para o ar perante a miséria. E depois queixem-se de que aparecem a ganhar eleições personalidades «populistas» «de fora do sistema»…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: