O santo e o poeta

foto-joao-xavier-largo-sao-sebastiao-em-obras

O Largo de São Sebastião, uma espécie de cartão de visitas que marca a centralidade da vila de São Brás de Alportel, está todo escaqueirado, com aquilo a que agora chamam «obras de requalificação».
Em vez de continuar a ser uma espécie de rotunda, o largo vai ser transformado numa zona de maior usufruto pedonal, mas parece que anda polémica por aquelas bandas.
Há quem queira dali retirar o busto do poeta Bernardo de Passos. E, realmente, há pouco nexo na toponímia e na decoração artística.
No Largo de São Sebastião, deveria ser erguido um monumento a São Sebastião!
Curiosamente, nem aquele santo foi poeta, nem aquele poeta foi santo.
Espaços urbanos não faltam e, a avaliar pelas rotundas das zonas de expansão da vila, bom gosto também não. Falta agora coadunar as simbologias, a toponímia e a arte, para dar mais sentido cultural à beleza urbana.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: